terça-feira, 19 de abril de 2011

Fidel como exemplo


Nesta última semana Cuba teve um ritmo de acontecimentos importantes como há muito tempo não ocorria...


...Desfile popular e militar pelos 50 anos da vitória do socialismo na batalha de playa girón...VI Congresso do PCC...etc

A revolução cubana teve suas debilidades no passado e ainda as tem no presente, o desafio de construir o socialismo é difícil, mas é gratificante e glorioso!

No que se refere às mudanças que estão ocorrendo, Fidel Castro renunciou ao cargo de líder do partido comunista cubano, criado em 1965, após a revolução de 1959.



Mas como disse seu irmão Raúl Castro, e agora eleito como novo secretário geral do partido, Fidel é Fidel, não precisa de cargo algum para ser um ícone histórico revolucionário, e continuará lutando pelos propósitos mais nobres da humanidade.

Certamente!

Fidel é um guia, um visionário, aquele que vê mais longe do que a maioria, é uma soldado das ideias, como ele próprio diz. A história da humanidade tem poucos como ele.E ele, mesmo estando prestes a fazer 85 anos, está no auge de seu pensamento político.

Grande Fidel, que você viva mais e mais para continuar nos iluminando com suas ideias!

Como ele próprio disse em sua reflexión de ontem, dia 18:

"Es deber de la nueva generación de hombres y mujeres revolucionarios ser modelo de dirigentes modestos, estudiosos e incansables luchadores por el socialismo. Sin duda constituye un difícil desafío en la época bárbara de las sociedades de consumo, superar el sistema de producción capitalista, que fomenta y promueve los instintos egoístas del ser humano."



2 comentários:

Kleber Godoy disse...

Oi,

Gostei muito da postagem!!

Abraços...

Kleber

.Luks disse...
Este comentário foi removido pelo autor.